Make your own free website on Tripod.com
Marcos Caninéo
História completa do Guns N' Roses


Leia se puder, hahahaha!

Axl

As sementes do sucesso do Guns N'Roses foram plantados em 1979, quando Slash e Steven Adler (ambos então com 14 anos) se encontraram para ouvir e tocar juntos com os discos do Kiss num subúrbio de Los Angeles. Na época, Steve tocava guitarra e Slash, baixo. Batizado Saul Hudson (nome que ele odeia), Slash nasceu em Stoke, na Inglaterra, em 1965, mas seus pais, norte-americanos, logo voltaram a morar na Costa Oeste dos Estados Unidos.
Sua mãe e seu pai estavam ligados à música, de modo que Slash sempre esteve exposto a diferentes influências desde pequeno. Mas ele encontrou sua maior inspiração num encontro com uma namorada, quando ela colocou o LP Aerosmith Rocks no toca-discos. Steve Adler foi uma criança selvagem, nascida em Clevevand, Ohio, em 1965, porém criado em Hollywood. Sua carreira escolar terminou abruptamente quando ele caiu fora na 10 série-e é surpreendente que ele tenha durado tanto quando se ouvem suas memórias da infância. "A primeira vez que fiquei pirado foi quando tinha oito anos", afirma Steve. "Eu estava no banheiro de minha avó e fumei um baseado". Ele saiu de casa pela primeira vez aos doze anos e foi viver com a avó. Apesar de não ter grana pra comprar uma bateria, pelos próximos seis anos ele imitou seus ídolos-Roger Taylor do Queen, Keith Moon do The Who e John Bonham do Led Zeppelin.
Axl Rose também teve uma infância tórrida. Nascido em 1962 na insignificante cidade norte-americana de Lafayette, Indiana (onde todo mundo conhece a vida dos outros), ele cresceu sem saber quem era seu pai verdadeiro, que abandonou sua mãe quando o bebê ainda ensaiava vocais no berço. Ao descobrir por acaso que ele não era filho de L.Stephen Bailey-homem que ele achava ser seu pai natural-adotou o nome W.Rose, ao invés de Bill Bailey, que ele havia usado por todos estes anos. O nome Axl veio de uma banda de Lafayette, onde ele cantava. Os problemas entretanto, pareciam segui-lo onde quer que fosse.
Até na igreja, onde o coro pentecostal o expulsou "Eu estava sempre encrencado por cantar as partes dos outros", lembra. Ele diz ter sido preso mais de vinte vezes em sua juventude por estar bêbado. Quando foi acusado injustamente por roubo de carro, ele deixou a cidade. Mas sua reputação continuou e em Los Angeles as coisas ficaram piores com suas eternas bebedeiras. Assim como Axl, Izzy Stradlin também se revoltou contra os limites da pequena Lafayette, onde ele nasceu em 1962."Eu ficava bêbado porque não tinha porra nenhuma para fazer", diz. Entretanto, Jeffrey Isabelle(seu nome real) foi esperto e primeiro terminou o colegial para depois cair fora. A bateria foi sua primeira fuga do tédio suburbano mas quando ele jogou seu instrumento na traseira de uma Chevy para tentar sua sorte em Los Angeles em 1979, Izzy não tinha idéia do quanto sua aventura iria durar. Ao chegar em Los Angeles em 1979, a vida de Izzy estava longe de ser glamourosa. Para sobreviver, ele batalhava no circuito de clubes noturnos, fazendo de tudo. "Vendi drogas, vendi garotas, fiz o que tinha para fazer", relembra Izzy. "Fiquei cinco dias sem comer...só bebia água. Às vezes você não tem alternativas". Mas pior do que passar fome, é passar fome sozinho. As coisas melhoraram quando, na Páscoa de 1980, quando Axl bateu a porta de Izzy a procura de um companheiro de quem ele havia se perdido. Acabou ficando por lá mesmo e dois anos de luta depois, Izzy já vinha tocando guitarra bem e a dupla já compunha canções. Nascia um grupo Hollywood Rose, e, apesar das refeições vagabundas feitas em pocilgas infestadas de baratas, eles sentiram que aquilo teria futuro. Ocasionalmente, Chris Weber juntava-se a eles e acabou sendo um dos compositores de "Anything Goes". Hollywood Rose surgiu rápido e desapareceu mais rápido ainda, fundindo-se com uma outra banda chamada LA Guns, tornando-se Guns N'Roses. A guitarra de Tracii Guns e a bateria de Rob Gardner completavam o grupo. O baixo ficou a cargo de Michael Mckagan, mais conhecido como Duff. Vindo de um subúrbio de Seattle, onde nasceu em 1964, sendo o caçula de uma família de oito irmãos, o quinto homem do Guns teve algumas origens musicais. "Meu irmão Bruce começou a me ensinar baixo na oitava série", lembra Duff. Ele chegou a trocar o baixo pela bateria, mais voltou ao instrumento original depois de seu kit de bateria ter sido destruído por uma platéia nada amistosa. O maior ídolo de Duff era Sid Vicious, dos Sex Pistols, e essa adoração influenciou bastante a atitude do Guns N'Roses. Enquanto o irmão de Duff o ensinava a arte de tocar baixo, seu pai o educava em outros aspectos. "Meu velho me deu uísque quando eu era bem jovem. Lá pela quarta dose, eu estava tão bêbado que nem conseguia pronunciar a marca da bebida. "Duff se considera um músico sério e tocou em pelo menos 30 bandas desde o início de sua carreira nos bares de Seattle. Ele foi para Los Angeles por causa de um anúncio à procura de um baixista que gostasse de Alice Cooper e Aerosmith. O anúncio era da autoria de...Steven Adler e Slash! Com a chegada de Duff, surgiu a banda Roadcrew. Mas Duff logo descobriu que a dupla agitava muito, mas ensaiava pouco. Depois de seis semanas frustradas, ele desistiu e juntou-se a Axl, Izzy e os outros integrantes de Guns N'Roses. Quando os outros membros da banda caíram fora por causa de sua pouca dedicação à banda, Duff teve a idéia de chamar seus antigos parceiros Adler e Slash(que dançou numa audição para o Poison porque era "muito feio").
A química da nova banda funcionou bem e fez fama. Como uma revista descreveu na época, "são cinco personalidades diferentes com um denominador comum: arrogância". Depois de muito ensaio, fizeram sua estréia no clube Troubadour e saíram na sua primeira(e atrapalhada) turnê, intitulada Hell Tour. De volta para LA, uma rodada pelos clubes Roxy, Whiskey e claro,Troubadour. Nesta época, o repertório do Guns era recheado de covers, como "Jumpin'Jack Flash"dos Rolling Stones, "Heartbreak Hotel"de Elvis Presley e "Whole Lotta Rosie"do AC/DC. As platéias deliravam com os shows do Guns N'Roses, mas as gravadoras não tinham peito para bancar o novo grupo. Cansados dessa covardia, o quinteto resolveu lançar seu próprio disco, sob o selo Uzi Suicide. O explosivo EP atingiu seu alvo: aumentar o burburinho ao redor da banda. Isso acabou atraindo a atenção de uma notória caça-talentos.Vicki Hamilton("descobridora"de bandas como Poison e Mötley Crüe). Ao mesmo tempo assustava e fascinava com o perfil dos cinco gunners, Hamilton fez deles seus protegidos, ensinou as manhas do show business e os apresentou à gravadora Geffen Records. O contrato com a Geffen saiu em 26 de março de 1986, quando os rapazes puderam ter as primeiras refeições decentes em anos.

Saciado o apetite pela comida, o Guns N'Roses lançaram em julho de 1987, seu primeiro álbum, Appetite For Destruction, que chegou ao topo das paradas e vendeu mais de seis milhões de cópias só nos Estados Unidos. Pouca gente sabe, mas o dia 26 de março de 1986 ficará marcado na história do rock'n roll. Neste dia, Axl, Slash, Steven, Izzy e Duff disseram adeus à pobreza para sempre, quando finalmente assinaram um contrato com a gravadora Geffen. Cercado de luxo e pela primeira vez num estúdio profissional todo equipado, o Guns N'Roses foi apresentado ao produtor Mike Clink(Ozzy Osbourne, Survivor). Desse encontro, saiu Appetite For Destruction. Lançado em julho de 1987, Appetite foi um álbum que combinou o poder do heavy metal com a ira e a energia do punk.Versos agressivos foram tão marcantes quanto o grupo que estourou tímpanos de São Francisco a Seattle.O sentimentalismo veio do próprio vocalista. Dada a postura controversa do Guns, ninguém poderia pôr palavras na boca de Axl Rose. E seus versos frequentemente de sua própria experiência...amarga."Out Ta Get Me", por exemplo, foi inspirada - admite o autor - no período emm que viveu preso em Indiana."Rocket Queen"baseou-se numa antiga namorada "viva...mas que não deixou saudade". Um pouco mais alegre,"Sweet Child O'Mine","a primeira música de amor otimista que eu escrevi", inspira-se na modelo Erin Everly, que logo tornou-se a senhora Axl Rose. Como não poderia deixar de ser, também houve controvérsias:"Mr Brownstone", defendida pelo autor como uma música veementemente contra a heroína, quase levou Axl à cadeia na Austrália, onde ela foi considerada como incitação ao uso de drogas. E a banda fugiu para a Nova Zelândia. Musicalmente, o Guns N'Roses era exatamente oposto aos padrões de som aceitos em Los Angeles, como Van Halen e Mötley Crüe."Nós somos uma banda que saiu de Los Angeles e que já possuía alguns valores reais do rock". No entanto,"Paradise City", seu maior sucesso na Inglaterra, revelou o mesmo Slash soltando uma série de notas que envergonhariam Santana, enquanto sua guitarra, em "Sweet Child" era um modelo de precisão. Essa era uma banda que claramente recusou ser engaiolada. Apontado como inovador, o grupo tem, na verdade, raízes que vão muito além do que se imagina - de Rod Stewart, no início dos anos 70, aos Stones, com a combinação das guitarras de Keith Richards e Mick Taylor que foram modelos para Izzy e Slash. Nazareth também foi outro de seus ídolos: seu guitarrista Manny Charlton foi originalmente apontado como produtor para seu primeiro álbum, mas isso acabou não acontecendo. E não apenas a música foi explosiva; a capa do disco - uma pintura de Robert Williams sobre uma cena futurista em que um robô estupra uma mulher - foi escolhida por Axl e teve o efeitoo desejado de causar horror em todo o mundo. O álbum acabou saindo com um desenho menos aterrorizante, mas a ilustração original sobreviveu no lado interno do álbum. O disco não foi sucesso do dia para a noite: eles precisaram percorrer muitas milhas antes de decolar. E isso acabou agradando Slash."Eu não tive um lugar para morar desde que deixei a casa de minha mãe. Na rua foi ótimo porque tínhamos a segurança de um ônibus e um destino". Seguiu-se uma sucessão de turnês onde o Guns abriu para Mötley Crüe,The Cult, Aerosmith e até o "padrinho" Alice Cooper. Eles andaram tão ocupados que não puderam parar nem para o casamento de Duff - , HAGGIS(o baixista do Cult), ficou no seu lugar na época. Mas nunca houve dúvidas sobre a mudança permanente."Nossa química foi construída entre os cinco", explica Slash."Quando um de nós falta, ela não funciona". Isso foi provado quando Steven Adler quebrou a mão e foi substituído por Fred Coury do Cinderella."Com Steve, o andamento muda conforme o humor da música", diz Slash."Com Fred é melhor eu ficar dois compassos à frente". As constantes viagens finalmente renderam um prêmio e quando Appetite For Destruction alcançou o auge das paradas de sucesso dos Estados Unidos, no verão de 1988, 50 semanas já haviam passado. Enquanto isso, o terceiro single deles,"Sweet Child O'Mine",causou o mesmo impacto e fez do Guns N'Roses a quinta banda de hard-rock da história a alcançar o 1º lugar nos EUA, depois de Bon Jovi(1986), Survivor(1982) e dois outros. Appetite foi o segundo álbum de estréia, no heavy metal, que chegou ao topo da parada norte-americana - Metal Health, do Quiet Riot, foi o primeiro, em janeiro de 1983. Tal sucesso certamente mexeu com os cinco companheiros."Jamais pensei em chegar lá integrando uma banda comercial",disse Duff."E de fato Appetite não é um disco comercial. Seu sucesso me surpreendeu". De repente, todo mundo queria conhecê-los, e quando o "Welcome To The Jungle" foi escolhida para trlha sonora de um filme de Clint Eastwood, pareceu que eles estavam a caminho de Hollywood. Mas eles concentraram seus esforços naquilo que sabem fazer melhor: rock'n'roll. Mesmo seus clips, dirigidos por Nigel Dick, eram diretos e dotados de uma certa insanidade. Em 1988, a MTV premiou "Sweet Child O'Mine"como o melhor vídeo de heavy metal. A Inglaterra demorou um pouco para reconhecer o fenômeno Guns N'Roses."It's So Easy"não chegou exatamente a marcar muitos pontos.Três noites no clube Marquee, em Londres, em outubro de 1987, foram gravadas e lançadas em lado B de singles.

Dez meses mais tarde, em agosto de 1988, o convite para dar o show no festival Donington's Monsters of Rock foi o reconhecimento de que eles poderiam dominar o mundo e que isso era apenas uma questão de tempo. Mas a morte de dois fãs durante a apresentação do Guns, filmada em vídeo, foi um desastre para o grupo. Embora no início a banda tenha tocado sem perceber o incidente, a verdade é que os dois jovens foram esmagados até a morte enquanto nos autofalantes se ouvia "It's So Easy". O mesmo aconteceu com os Rolling Stones na fatídica apresentação em Altamont, em 1969, quando uma pessoa da platéia morreu pisoteada frente às câmeras. Antes disso, quando interrogados sobre suas atitudes e responsabilidades, os Guns haviam dito que o perigo era inerente a suas músicas e fazia parte do show."Eu imagino que estamos brincando com fogo", admitiu Duff."Eu detestaria que acontecesse qualquer coisa, mas nós não somos do tipo de pessoas que realmente mudariam sua forma de ser",concordou Slash."Não que eu justifique abusos e violências da platéia, mas faz parte da energia que nós fazemos brotar nas pessoas".Depois de Donington, Axl lamentou o episódio mas não necessariamente se arrependeu do que havia dito."Eu não sei realmente o que pensar sobre isso. Nós não dissemos para as pessoas socarem umas às outras. Nós não dissemos para as pessoas beberem até não poder mais parar em pé, eu não me sinto responsável dessa forma".Um ano e meio depois de Appetite, a banda havia percorrido cada milha de estrada de Nova York a Los Angeles, passando pela Europa e Japão. Entretanto, era cedo demais para um álbum ao vivo - e a saída foi engenhosa.

GN'R Lies foi literalmente um disco meio a meio - quatro faixas tiradas do EP LIVE LIKE A SUICIDE (o EP independente que o grupo produziu antes de conseguir um contrato) ao lado de quatro músicas novas para agradar os fãs. Quatro músicas novas? Talvez só três e meia."You're Crazy", uma das primeiras músicas que eles escreveram depois do contrato com Geffen, já havia sido tocado no Appetite, mas voltou à sua forma original, mais lenta."Patience"e "Used To Love Her", não haviam aparecido antes, com outra forma qualquer, mas sim a letra de "One In a Million"que gerou muita controvérsia por causa das referências a "foggots"(viados) e "niggers"(negros, pejorativamente). GN'R Lies Juntou-se as seis milhões de cópias vendidas pelo "Appetite For Destruction"em novembro de 1988, tornando os Guns a primeira banda dos anos 80 ao ter dois álbuns ao mesmo tempo, entre os cinco primeiros mais vendidos. Apenas os Beatles e poucos outros conseguiram isso. E, quando o single "Patience"foi lançado em junho de 1989, Lies já havia vendido mais de dois milhões de cópias. Se Donington marcou o início de domínio, outubro de 1989 foi o fim de um ano de problemas e quase o fim da própria banda.
Os Gunners foram contratados para tocar quatro noites como convidados especiais dos Rolling Stones no Los Angeles Memorial Coliseum. Eles esperavam ansiosamente por esse momento, para varrer Jagger e CIA do palco, mais Axl estava atrasado. E quando ele finalmente chegou, a situação no camarim o deixou extremamente relutante a entrar no palco. Depois de muita insistência do empresário, ele entrou, com quinze minutos de atraso, para cantar como se estivesse possesso,e atordoou a multidão acusando certos membros da banda de "dançar com Mr. Browsnstone", referindo-se claramente a canção anti-heroína, do primeiro disco("Mr. Browsnstone"). Esta seria, insistiu Axl, sua última apresentação com os Guns. Na noite seguinte, Slash prometeu publicamente solucionar suas questões pessoais. Não foi a primeira vez que Axl teve problemas com o grupo. Dezoito meses antes ele deixou de se apresentar em Phoenix, foi cortado e depois reintegrado à banda. Inevitavelmente, a imprensa teve o que falar, mais o destino da banda era estar mesmo nas manchetes.

Em Atlanta, Axl foi preso entre um grupo de pessoas que atacou seguranças. A banda continuou o espetáculo com solos de Slash e Steve. Axl confessou sua culpa para escapar de um julgamento. Na Filadélfia, uma briga no estacionamento acabou levando Axl preso de novo. Dessa vez, o empresário de turnê, Doug Goldstein, conseguiu soltá-lo sem pagar fiança. Em Chicago, um empresário que acusou Axl de imitar Bon Jovi, começou uma briga que acabou quebrando dezenas de copos e fez com que Axl e Steve renovassem sua relação com a pancadaria. Izzy também teve seus momentos. Em Hamburgo, ele e Duff amarraram o baterista do Faster Pussycat ( grupo que abria para o Guns ) e o puseram no elevador. Durante a entrega do prêmio da MTV de 1989, ele brigou com Vince Neil, cantor do Mötley Crüe, porque a esposa de Vince acusou Izzy de ter dito algumas coisas "fortes". Pouco depois ele se viu novamente encrencado por urinar na passagem de ar. Axl, enquanto isso, envolveu-se numa briga com os ingleses Dogs D'Amour num clube Los Angeles, enquanto Duff enfrentava um leão-de-chácara de uma boate em New Orleans. Se no circuito dos clubes a entrada era problemática para eles, a vida doméstica de Axl não era muito melhor. Ele ja havia reclamado de maus tratos por partes de dois policiais que investigavam as reclamações recebidas sobre músicas muito altas em seu apartamento. Em outubro de 1990, ele foi preso porque uma vizinha o acusou de ter quebrado uma garrafa em sua cabeça. O caso foi resolvido, mas Axl e Erin Everly, com quem havia se casado em abril, se separaram poucos meses depois. Axl teve muitas performances impressionantes, mas nenhuma tão dramática quanto em Reno(Nevada), em fevereiro de 1991, quanto seu casamento foi anulado. Confessando ter cometido o maior erro de sua vida, ele acrescentou: "Nós estivemos juntos apenas por dois meses. Ela estava sempre com amigos. Eu achava que ela não tinha idéia do que significava ser esposa - ou não tinha o desejo de ser".

Nos momentos mais alegres, ele comparou sua relação com Erin, com a de Jim Morrison e Pamela Courson: "Sempre brigando mais eram almas gêmeas". Não é necessário ser jovem livre e solteiro para ser um Gunner - mais é claro que isso ajuda. Steve e Duff foram presos, mas até para a mais dedicada das esposas a banda era claramente uma rival difícil de lidar. Em abril de 1990, o Guns N'Roses participaram de um show de caridade em Indianápolis. Seus lançamentos neste ano ficaram praticamente no anonimato, resumindo-se em faixas em discos de vários artistas. Não que houvessem algo de errado com a música deles. Uma gravadora pegou o "Knockin'On Heaven's Door", uma das favoritas do público, e incluiu na trilha sonora do filme "Dias de Trovão", enquanto a "Civil War"era dada de presente a George Harrison - que montou um álbum chamado "Nobody's Child"para arrecadar fundos para os órfãos da Romênia. A imprensa não noticiou esse lado generoso do Guns. A grande notícia de 1990 foi a partida de Steven Adler, em julho, que causou a primeira mudança na equipe desde 1985. Amigo de Slash de longa data, seu envolvimento com drogas vinha afetando seu trabalho."Ele estava mentindo para nós (sobre deixar de usar drogas). Eu estava tentando fazer a cabeça dele mas isso nunca aconteceu..."disse Slash. A gravadora chiava por um novo álbum, portanto eles precisavam achar rapidamente um substituto.

Após uma seleção relâmpago, foi escalado Matt Sorum, do The Cult. Sorum se juntou ao tecladista Dizzy Reed como membros permanentes e os dois novos gunners estrearam na banda durante o Rock in Rio II, no Maracanã, Rio de Janeiro, em janeiro de 1991. Para aqueles que esperavam por uma apresentação choca e desencontrada, os shows do Rock in Rio foram uma belíssima surpresa. Quando Dizzy não estava nos teclados, Axl insistia para que ele contribuísse na percussão, mesmo nas músicas que ele nunca havia tocado antes. Nas guitarras, Izzy e Slash detonaram seus riffs em total comunhão. Matt Sorum provocou um terremoto sonoro, sobre o qual Duff pôde deitar e rolar com seu baixo, enquanto Axl corria o palco como um leão. Eles até ousaram três canções novas,"All Tied Up","Double Talkin'Jive"e "Bad Apples",enquanto "Estranged" ficou ensaiduichada entre "Sweet Child"e "Rocket Queen".Ao final da apresentação, um suado Axl Rose declarava "esse foi o melhor show que já fizemos". Apesar do sucesso, a crítica passou a cobrar um novo LP do grupo. O mundo inteiro esperava um álbum, mas por muitos meses só havia um nome, Use Your Illusion, inspirado numa pintura que Axl vira. Em 13 de janeiro de 1991, os gunners finalmente entraram no Rumbo Studios de Los Angeles, com Mike Clink novamente no controle. E logo veio a notícia de que tinham 36 músicas para um novo disco a ser lançado em abril. O problema agora era qual delas escolher. Mas o que na verdade acabou acontecendo foi o lançamento do single "Don't Cry"em junho, um sucesso nas paradas. Guns N'Roses estava de volta.

Os álbuns duplos "Use Your Illusion"surgiram afinal em julho, cheio de épicos como "November Rain"e a anti-drogas "Coma", ambas com mais de 10 minutos. O anúncio do novo disco, acompanhado de uma turnê, agitou o mundo do rock. Todos queriam ver o show. O primeiro marcado pela banda na Inglaterra, no Wembley Stadium(Londres), em agosto, vendeu 47 mil ingressos só no primeiro dia de vendas. Tiveram início especulações sobre o lançamento de um álbum ao vivo ao final da turnê, engordando as vendas das nove milhões de cópias de Appetite For Destruction e três milhões e 250 mil cópias de GN'R Lies. Tudo deu certo para Slash, que passou um ano fora tocado com grandes nomes como Bob Dylan, Michael Jackson, Iggy Pop e Lenny Kravitz. Mas longe de se tornar uma estrela menor do cenário, ele preferiu a química do Guns."se não fosse Axl eu poderia estar ainda procurando um cantor", resaltou."Sair do nada e chegar a tal ponto foi uma grande virada na minha cabeça. Agora que aconteceu, e nós conseguimos nos manter juntos, eu não acredito que teremos esse tipo de problema de novo".Izzy também estava feliz por estar de volta à ativa."Existe vida depois do Guns N'Roses?", perguntou."Nós morreremos muito cedo para ver isso. Quando a banda morrer, eu morro também". Deve ter sido um caso de reencarnação, pos agora todos sabem que, ao menos para Izzy, existe vida fora do Guns, sim. Em 7 de novembro de 1991, o guitarrista que "morreria"se a banda morresse decidiu deixar o Guns, porque não estava mais afim de excursionar. A saída foi pacífica (ao contrário do affair Steven Adler, que deu uma de inocente e processou a banda por tê-lo induzido ao vício).

Sem perder tempo, Axl e Slash elegeram o guitarrista Gilby Clarke (ex-Kill For Thrills) como novo gunner e substituto de Izzy. Quanto a Axl. o grande e difícil, não há como negar sua força como o frontman da mais perigosa banda de rock da atualidade. Controvérsia parece ser sua eterna companheira e ele não faz por menos: com o lançamento de User Your Illusion, Axl arrumou atritos generalizados com a imprensa musical dos EUA e Inglaterra, chegando a citar os nomes de vários jornalistas e revistas alimentavam seu desafeto na canção "Get in the Ring", onde, entre outras ofensas, mandava todos "à merda". Mas agora a poeira baixou e, como sempre, a última palavra sobre o futuro da banda cabe a Axl Rose."Eu não vou dizer que nós estaremos aqui para sempre - mas eu espero escrever o tipo de música que permaneça por um longo tempo". Amém, responde o mundo.

Em 93 é lançado o álbum "the Spaghetti Incident",disco repleto de covers de diversas bandas e incluindo ainda uma música escondida no fim do disco ,escrita pelo famoso assassino e serial killer Charles Manson , intitulada"LOOK AT YOUR GAME GIRL", que acabou recebendo duras criticas da mídia.

Em 94 Axl é processado por agressão pela sua ex-esposa e pela sua ex-namorada Stephanie Seymour.

Em 95 Gilby Clarke se desliga da banda e entra com processo por uso indevido do seu nome, nesse mesmo ano em 21 de outubro morre Shannon Hoon(vocalista da banda Blind Melon, que havia participado da gravação de algumas músicas da banda) aos 28 anos vitima de overdose, ele é achado morto no ônibus da banda, em New Orleans

Em 96, morre a mãe de Axl, e Steven Adler ganha o processo que movia contra a banda pedindo parte dos lucros da venda do disco "Apettite for Destruction", Axl compra os direitos do nome GUNS N' ROSES

Em 97, morre West Arkeen grande letrista e amigo da banda por causa de uma overdose de "remédios"que ele estava tomando devido ao acidente doméstico que havia sofrido com sua churrasqueira, que o deixara com queimaduras de 2º e 3º pelo corpo.

Em 98, é prometido para o segundo semestre de 1999 o lançamento do tão esperado novo álbum do Guns n'Roses (A banda ainda continua com a formação indefinida)......

FIM

Adorei hahaha